Análise Dinâmica de Capital de Giro Segundo o Modelo Fleuriet: uma Classificação das Empresas Brasileiras de Capital Aberto no Período de 1996 a 2013

Autores

  • Marcelo Augusto Ambrozini USP - Universidade de São Paulo
  • Alberto Borges Matias USP - Universidade de São Paulo
  • Tabajara Pimenta Junior

Palavras-chave:

Contabilidade, Capital de Giro, Modelo Fleuriet

Resumo

A gestão do capital de giro das empresas sempre foi um dos maiores desafios dos gestores financeiros, principalmente em economias com as características observadas no Brasil, de dificuldade de crédito de fontes de financiamento de curto prazo. Com o intuito de oferecer um conjunto de indicadores que permitisse aos gestores uma melhor análise da situação de capital de giro das empresas, dentro da realidade dinâmica em que essas organizações se inserem, Michel Fleuriet propôs um modelo que ficou conhecido como Modelo Dinâmico ou Modelo Fleuriet. O objetivo deste trabalho foi o de classificar as empresas brasileiras de capital aberto de acordo com as diferentes estruturas patrimoniais das contas relacionadas ao capital de giro, dentro da ótica do Modelo Dinâmico, com vistas a verificar se houve uma estrutura predominante nas companhias nacionais nos anos de 1996 a 2013. A principal observação deste estudo é que, no decorrer dos quatorze anos estudados, a maioria das empresas brasileiras apresentou saldos positivos de necessidade de capital de giro e capital de giro líquido positivo, variando somente o saldo de tesouraria que era predominantemente negativo até 2005 e se tornou positivo a partir daquele ano. Essa constatação confirma a observação relatada por Michel Fleuriet em 1978, sendo que os mesmos padrões observados na época prevalecem até hoje.

Biografia do Autor

Marcelo Augusto Ambrozini, USP - Universidade de São Paulo

Professor Doutor (Colaborador) do Departamento de Contabilidade

FEA-RP / USP

Área: Contabilidade e Finanças

Alberto Borges Matias, USP - Universidade de São Paulo

Professor Titular do Departamento de Administração

FEA-RP / USP

Área: Finanças

Downloads

Publicado

2015-05-11

Como Citar

AMBROZINI, M. A.; MATIAS, A. B.; PIMENTA JUNIOR, T. Análise Dinâmica de Capital de Giro Segundo o Modelo Fleuriet: uma Classificação das Empresas Brasileiras de Capital Aberto no Período de 1996 a 2013. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 25, n. 2, p. 15-37, 2015. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/1416. Acesso em: 4 dez. 2020.