Metodologia de identificação de aglomerações produtivas locais

Autores

  • Marco Crocco
  • Rangel Galinari
  • Fabiana Santos
  • Mauro Borges Lemos
  • Rodrigo Simões

Palavras-chave:

aglomerações produtivas locais,

Resumo

A literatura contemporânea em economia industrial e economia regional é repleta de estudos de caso sobre aglomerações produtivas locais. Parte considerável dos estudos empíricos tem-se concentrado em análises de aglomerações já amplamente conhecidos, realizando uma avaliação ex post das características dessas aglomerações e suas contribuições para o desenvolvimento local/regional/nacional. Raros são os estudos que procuram (ou são capazes de) identificar o surgimento de tais aglomerações. Do ponto de vista da elaboração de políticas de desenvolvimento econômico e regional, essa lacuna é grave, uma vez que leva a privilegiar aglomerações já estabelecidas em detrimento daquelas em formação. Em vista disso, faz-se necessário avançar no desenvolvimento de metodologias que permitam suprir tal deficiência. Esse é o objetivo deste artigo, que procura desenvolver uma metodologia de identificação de aglomerações produtivas locais com base emdados secundários. Mediante o uso da técnica de Análise de Componentes Principais, é construído um Índice de Concentração, que indica o potencial de uma atividade industrial em uma região específica em se transformar em uma aglomeração produtiva local.

Downloads

Publicado

2009-06-04

Como Citar

CROCCO, M.; GALINARI, R.; SANTOS, F.; LEMOS, M. B.; SIMÕES, R. Metodologia de identificação de aglomerações produtivas locais. Nova Economia, [S. l.], v. 16, n. 2, 2009. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/novaeconomia/article/view/467. Acesso em: 27 nov. 2020.

Edição

Seção

Números Regulares