Pesquisa de mercado como ferramenta para a produção de eventos

um mapeamento do mercado de shows internacionais em Belo Horizonte.

  • Marcela Cristina Ferreira Centro Universitário Una
  • Izabella Martins
Palavras-chave: Pesquisa de mercado, Comportamento do consumidor, Marketing, Produção de eventos, Shows internacionais

Resumo

O mercado de shows internacionais tem apresentado grande crescimento no Brasil, e Belo Horizonte começou a figurar na rota destes eventos, que tem sido realizados em outras cidades fora do eixo Rio-São Paulo. Neste contexto, o presente trabalho tem como objetivo estudar e compreender o mercado de shows internacionais em Belo Horizonte, visando a contribuir para o desenvolvimento e fortalecimento desse nicho mercadológico na cidade e auxiliar nos processos de planejamento e produção dos shows. O instrumento metodológico adotado foi a pesquisa de mercado, que incluiu entrevistas em profundidade com produtores de shows internacionais da cidade e pesquisa quantitativa aplicada ao público. A partir dos resultados alcançados, foi possível inferir que, atualmente, o mercado de shows internacionais em Belo Horizonte apresenta pouca margem de crescimento, devido a fatores que envolvem o poder público, a escassez de patrocínios e a interferência de uma série de condicionantes à presença do público nos shows. Entretanto, a realização de ações de formação de público, parcerias entre produtoras e poder público e investimento e inovação em ações de comunicação e marketing melhor direcionadas ao público-alvo poderiam ser os primeiros passos para mudar a atual realidade. Por último, destaca-se a importância do instrumento pesquisa de mercado como ferramenta valiosa para o planejamento de eventos, já que esta possibilita o conhecimento dos hábitos, preferências e poder de compra do público, o que pode auxiliar na realização das atividades de produção e no crescimento e desenvolvimento do mercado local.

Referências

Antônio, P., & Dutra, K.E. (2008). Pesquisa de mercado: ferramenta norteadora no processo decisório que antecede a tomada de decisão. Revista Eletrônica da Faculdade Metodista Granbery, 4(jan/jul).

Ávila, G. (2015, Setembro 11). Ingressos para show do Pearl Jam em BH por menos da metade do preço. O Tempo, Diversão. Recuperado de http://www.otempo.com.br/divers%C3%A3o/ingressos-para-show-do-pearl-jam-em-bh-por-menos-da-metade-do-pre%C3%A7o-1.1110913

Borburema, D.G. (2012, Setembro). Música independente: organização e articulação de entidades musicais no cenário cultural da cidade de Belo Horizonte. Anais do Encontro Internacional de Música e Arte Sonora, Juiz de Fora, MG, Brasil, 3. Recuperado de http://www.ufjf.br/anais_eimas/files/2012/02/Borburema.pdf

Calliyeris, V., Roble, G.L.E., Costa, C., & Souza, W.S. (2015). Pesquisa via internet como técnica de coleta de dados: um balanço da literatura e os principais desafios para sua utilização. Revista Brasileira de Marketing – ReMark, 14(4), 479-491.

Ferreira, N.A.T. (1999). "Um rock no meio do caminho": subsídios para preposição de um sistema de informação artístico-cultural em Belo Horizonte (Dissertação de mestrado). Belo Horizonte: Escola de Biblioteconomia, Universidade Federal de Minas Gerais.

Fundação João Pinheiro (2010, Fevereiro). Diagnóstico da cadeia produtiva da música em Belo Horizonte. Belo Horizonte: Autor. CDU: 008:33(815.11).

Las Casas, A.L. (2009). Marketing: conceitos, exercícios e casos (8 ed.). São Paulo: Atlas.

Mattar, F.N. (2007). Pesquisa de marketing: edição compacta (4 ed.). São Paulo: Atlas.

Medeiros, J.M. (2011). Condições para a construção de um sistema produtivo e inovativo local (SPIL) da música a partir das potencialidades de Belo Horizonte (Dissertação de mestrado). Belo Horizonte: Instituto de Educação Continuada, Pesquisa e Extensão, Centro Universitário Una.

Medeiros, J.M., & Machado, L.R.S. (2015). O potencial musical de Belo Horizonte como motor de uma estratégia de desenvolvimento local. Per Musi – Revista Acadêmica de Música, 31(jan/jun), 258-283. DOI: 10.1590/permusi2015a3114

Mendonça, M.J.A., & Perozin, J.G.P.A. (2014). Planejamento e organização de eventos. São Paulo: Érica.

Menezes, T. (2013, Maio 05). Paul McCartney faz show empolgante em Belo Horizonte, com direito a surpresas. Folha de São Paulo, Ilustrada. Recuperado de http://www1.folha.uol.com.br/ilustrada/2013/05/1273639-paul-mccartney- faz-show-empolgante-em-belo-horizonte-com-direito-a-surpresas.shtml.

Oliveira, I.M.G. (2005). Hospitalidade em shows de música: um estudo sobre as relações entre artista e espectador nas casas de espetáculos (Dissertação de mestrado). São Paulo: Programa de Mestrado em Hospitalidade, Universidade Anhembi Morumbi.

Peixoto, M. (2015, Abril 23). Com fôlego de garotos, Kiss cumpre expectativas em show no Mineirinho. Uai, Capa/Música. Recuperado de https://www.uai.com.br/app/noticia/musica/2015/04/23/noticias-musica,167009/com-folego-de-garotos-kiss-cumpre-expectativas-em-show-no-mineirinho.shtml

PwC (2017). Mercado global de mídia e entretenimento vai movimentar US$ 2,23 trilhões em 2021. Recuperado de https://www.pwc.com.br/pt/sala-de-imprensa/noticias/pwc-mercado-global-midia-entretenimento-movimentar-17.html

Pinto, S.M.P. (2013). Leis de incentivo à cultura: em estudo sobre a relação entre o Fundo de Projetos Culturais de Belo Horizonte e o desenvolvimento local (Dissertação de mestrado). Belo Horizonte: Instituto de Educação Continuada, Pesquisa e Extensão, Centro Universitário Una.

Pires, L.M.G., & Fagundes, A.F.A. (2017). Nos embalos de shows musicais: um estudo com grupos focais sobre satisfação dos frequentadores de shows musicais e socialização entre eles. Revista Brasileira de Marketing – ReMark, 16(2), 180-193.

Samara, B.S., & Barros, J.C. (2007). Pesquisa de marketing: conceitos e metodologias (4 ed.). São Paulo: Pearson Prentice, 2007.

Santos, J.O. (2017). Marketing e seu composto dos 4P’s e 4C’s. Revista Gestão em Foco, 9, 20-28.

Sebrae (2018, Janeiro 17). Pesquisa de mercado: o que é e para que serve. Recuperado de http://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/artigos/pesquisa-de-mercado-o-que-e-e-para- que-serve,97589f857d545410VgnVCM1000003b74010aRCRD.

Sou BH (2013, Setembro 12). Beyoncé faz megashow em Belo Horizonte. Recuperado de http://www.soubh.com.br/noticias/gerais/beyonce-faz-megashow-em-belo-horizonte/

Time for Fun (2017, Junho 9). Setor de Entretenimento no Brasil. Recuperado de http://ri.t4f.com.br/timeforfun/web/conteudo_pt.asp?idioma=0&conta=28&tipo=34927

Uai (2013, Setembro 05). Ingressos para show de Beyoncé em BH são vendidos pela metade do preço. Uai, Capa/Música. Recuperado de https://www.uai.com.br/app/noticia/musica/2013/09/05/noticias-musica,146034/ingressos-para-show-de-beyonce-em-bh-sao-vendidos-pela-metade-do-preco.shtml

Valadares, C. (2015, Setembro 18). Rock in Rio: festival aquece o turismo carioca. Ministério do Turismo. Recuperado de http://www.turismo.gov.br/%C3%BAltimas-not%C3%ADcias/5505- rock%E2%80%99n-rio-aquece-o-turismo-carioca-2.html.
Publicado
2019-09-06
Seção
Artigos