Momento de Reconhecimento da Receita Proveniente da Venda de Créditos de Carbono: o Caso de uma Operadora de Aterro Sanitário no Estado do Espírito Santo

Autores

  • Maria Mariete Aragão Melo Pereira
  • Valcemiro Nossa
  • Silvania Neris Nossa

Palavras-chave:

MDL, Crédito de Carbono, Contabilidade Ambiental.

Resumo

O reconhecimento da receita é uma questão complexa e isso se deve ao fato de que os fatores de produção adicionam valor às diversas etapas de execução do processo produtivo. Esta pesquisa visa investigar o momento de reconhecimento da receita proveniente da venda de créditos de carbono. Para a execução deste trabalho foi realizado um estudo de caso na Marca Ambiental, empresa gerenciadora de um aterro sanitário no Estado do Espírito Santo que desenvolve um projeto cujo propósito é gerar energia a partir dos gases do aterro que administra, reduzindo, com isso, as emissões de Gases de Efeito Estufa (GEE) e enquadrando-se no Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL). Para responder à questão proposta neste estudo, foi utilizada uma multiplicidade de fontes de evidências como: documentação, entrevistas e observação. O estudo compreende as fases de concepção, implantação e operacionalização do projeto. Concluiu-se que, à luz da Teoria da Contabilidade, é possível reconhecer a receita oriunda da venda de créditos de carbono, somente na fase de operacionalização, observadas as três situações determinantes do ponto de reconhecimento.

Downloads

Publicado

2009-09-16

Como Citar

PEREIRA, M. M. A. M.; NOSSA, V.; NOSSA, S. N. Momento de Reconhecimento da Receita Proveniente da Venda de Créditos de Carbono: o Caso de uma Operadora de Aterro Sanitário no Estado do Espírito Santo. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 20, n. 2, p. 99-133, 2009. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/616. Acesso em: 5 dez. 2021.