ENSINO DA DISCIPLINA DE CONTABILIDADE GERAL EM CURSOS DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO: UMA ANÁLISE EMPÍRICA DA RELAÇÃO ENTRE A SATISFAÇÃO E O DESEMPENHO DISCENTE

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22561/cvr.v31i1.5187

Palavras-chave:

Graduação em Administração, Ensino de Contabilidade Geral, Satisfação Discente, Desempenho Acadêmico

Resumo

Os conhecimentos contábeis são essenciais para o administrador na execução de suas funções, uma vez que capacita os profissionais para atuarem em contextos competitivos e permeados de constantes mudanças. Nessa perspectiva, o presente estudo buscou investigar, empiricamente, a relação entre a satisfação dos alunos de graduação em Administração, acerca da disciplina de Contabilidade Geral, e o desempenho, auto reportado, obtido nesta disciplina. Para alcançar esse objetivo, realizou-se uma survey com 528 discentes do 3ª ao 8º período de sete Instituições de Ensino Superior, públicas e privadas, das cidades de Floriano-PI, Teresina-PI, Picos-PI e Parnaíba-PI que ofertam o curso de graduação em Administração presencialmente, utilizando, para coleta de dados, o questionário proposto por Paswan e Young (2002) e adaptado ao contexto brasileiro por Beuren, Cunha, Theiss, & Cordeiro (2013). Quanto aos resultados, foram obtidos indícios empíricos que possibilitaram validar a proposta de modelar a “Satisfação Discente” como um construto de segunda ordem, sendo notado, que, o “envolvimento do professor” mostrou-se o construto mais relevante, dentre os investigados, para explicar a satisfação discente. Adicionalmente, observou-se que a “Satisfação Discente” apresenta uma relação direta e positiva no rendimento acadêmico auto reportado (β=0,128; p<0,001), independentemente do efeito das variáveis de controle gênero, idade, período do curso e instituição de ensino. Esses achados mostram-se relevantes ao contribuir para a discussão e análise das peculiaridades e carências no ensino das disciplinas de Contabilidade no curso de Administração, possibilitando que os coordenadores e docentes repensem e proponham ações para a otimização do ensino de Contabilidade para não contadores.

Biografia do Autor

Flávia Lorenne Sampaio Barbosa, Profª. Drª., Professora da Universidade Federal do Piauí

Doutora em Administração.

Maurício Mendes Boavista de Castro

Mestre em Economia, Doutorando em Administração

Referências

Abbasi, M. N., Malik, A., Chaudhry, I. S., & Imdadullah, M. (2011). A study on student satisfaction in Pakistani universities: The case of Bahauddin Zakariya University, Pakistan. Asian Social Science, 7(7), 209. DOI: 10.5539/ass.v7n7p209.

Alves, A. C., Teixeira, V. V. N., & Oliveira, I. G. V. (2017). Percepção dos Discentes do Curso de Graduação em Administração em Relação às Disciplinas da Área de Contabilidade. Revista Administração em Diálogo-RAD, 19(3), 24-48. DOI: 10.23925/2178-0080.2017v19i3.32551

Astin, A. W. (1984). Student involvement: A developmental theory for higher education. Journal of college student personnel, 25(4), 297-308.

Azevedo, C. E. F., Oliveira, L. G. L., Abdalla, M. M., Gonzalez, R. K., Ribeiro, A. J. G., & Holperin, M. M. (2012). Por que Finanças?: Avaliando o interesse dos estudantes de graduação em Administração pela área de Finanças. RAM. Revista de Administração Mackenzie, 13(6), 168-196. DOI: 10.1590/S1678-69712012000600008.

Bean, J. P., & Bradley, R. K. (1986). Untangling the satisfaction-performance relationship for college students. The Journal of Higher Education, 57(4), 393-412. DOI: 10.2307/1980994

Beuren, I. M., Cunha, P. R., Theiss, V., & Cordeiro, A. (2013). Percepção dos discentes da disciplina de contabilidade introdutória: uma análise por meio da entropia informacional em diferentes cursos de graduação. Revista de Contabilidade e Organizações, 7(19), 70-85. DOI: 10.11606/rco.v7i19.62890

Bianchi, M., Raimundini, S. L., Santos, N. D. A., Fávero, L. P. L., & Schmidt, P. (2007). Disciplina de contabilidade introdutória: características das instituições, cursos, docentes e perfil do discente não contador. Enfoque, 29(2), 64-82. DOI: 10.4025/enfoque.v29i2.10950.

Borges, G. F., & Mafra, F. L. N. (2013). Ensino de contabilidade em cursos de graduação em administração: uma análise da percepção docente e discente em instituições de ensino superior de Minas Gerais. Race: revista de administração, contabilidade e economia, 12(3), 191-226.

Borges, G., F. & Naves, F. (2014). Ensino de contabilidade na graduação em administração: uma análise sob a perspectiva discente. Revista de Contabilidade e Organizações, 8(21), 58-70. DOI: 10.11606/rco.v8i21.55607

Brasil. Conselho Nacional De Educação/Câmara De Educação Superior (2005) Resolução nº 4, de 13 de julho de 2005. Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais do curso de Graduação em Administração, bacharelado, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Seção 1, p. 26 e 27, Brasília, 19 de julho de 2005.

Brighenti, J., Biavatti, V. T., & de Souza, T. R. (2015). Metodologias de ensino-aprendizagem: uma abordagem sob a percepção dos alunos. Revista Gestão Universitária na América Latina-GUAL, 8(3), 281-304. DOI: 10.5007/1983-4535.2015v8n3p281

Cashin, W. E. (1995). Student Ratings of Teaching: The Research Revisited. IDEA Paper No. 32.

Centra, J. A., & Rock, D. (1971). College environments and student academic achievement. American Educational Research Journal, 8(4), 623-634. DOI: 0.1002/j.2333-8504.1970.tb00798.x

Chen, H. C., Farmer, S., Barber, L., & Wayman, M. (2012). Development and psychometric testing of the Nursing Student Satisfaction Scale. Nursing education perspectives, 33(6), 369-373. DOI: 10.5480/1536-5026-33.6.369 Chen, T. K. (2017). Teacher-Student Relationships, Satisfaction, and Achievement among Art and Design College Students in Macau. Journal of Education and Practice, 8(6), 12-16.

Crispim, G., & Miranda, L. C. (2013). O ensino da contabilidade no curso de administração de empresa: a percepção do corpo discente das disciplinas de contabilidade na sua formação acadêmica. ASAA-Advances in Scientific and Applied Accounting, 5(1), 131-155. DOI: 10.14392/ASAA/2012050106

Cunha, P. R., Gomes, G., & Beck, F. (2016). Satisfação dos estudantes do curso de Ciências Contábeis: estudo em Universidades Públicas de Santa Catarina. Contabilidade Vista & Revista, 27(1), 42-62.

da Costa, F. J., Paiva, T. A., da Rocha, J. D. A., & Ramos, R. R. (2011). Interesse e atitudes dos estudantes de Administração em relação à área contábil. Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade (REPeC), 5(1), 99-120.

Fraser, B. J., Aldridge, J. M., & Soerjaningsih, W. (2010). Instructor-student interpersonal interaction and student outcomes at the university level in Indonesia. The Open Education Journal, 3(1). DOI: 10.2174/1874920801003010021

Gomes, G., Dagostini, L., & da Cunha, P. R. (2013). Equações estruturais aplicadas ao grau de satisfação dos estudantes do curso de Ciências Contábeis: estudo em uma faculdade do sudoeste do Paraná. Revista Brasileira de Administração Científica, 4(1), 18-32.

Hair Jr., J. F., Black, W. C., Babin, B. J., Anderson, R. E., & Tatham, R. L. (2006) Análise multivariada de dados. Tradução de: Adonai Schlup Sant'Anna. 6. ed. São Paulo: Bookman.

Hair Jr., J, Hult, G., Ringle, C., & Sarstedt, M. (2014). A primer on partial least squares structural equation modeling (PLS-SEM). California: Sage publications.

Iudícibus, S., & Marion, J. C. (2000). Curso de contabilidade para não contadores. ed. São Paulo: Atlas.

Jaradeen, N., Jaradat, R., Abo Safi, A., & Al Tarawneh, F. (2012). Students satisfaction with nursing program. Bahrain Medical Bulletin, 158(690), 1-4.

Kantek, F., & Kazanci, G. (2012). An analysis of the satisfaction levels of nursing and midwifery students in a health college in Turkey. Contemporary Nurse, 42(1), 36-44. DOI: 10.5172/conu.2012.42.1.36

Ko, W. H., & Chung, F. M. (2014). Teaching Quality, Learning Satisfaction, and Academic Performance among Hospitality Students in Taiwan. World Journal of Education, 4(5), 11-20. DOI: 10.5430/wje.v4n5p11

Lee, C. Y., White, B., & Hong, Y. M. (2009). Comparison of the clinical practice satisfaction of nursing students in Korea and the USA. Nursing & health sciences, 11(1), 10-16. DOI: 10.1111/j.1442-2018.2008.00413.x

Liu, R., & Jung, L. (1980). The commuter student and student satisfaction. Research in Higher Education, 12(3), 215-226. DOI: 10.1007/BF00976093

Naimie, Z., Siraj, S., Abuzaid, R. A., & Shagholi, R. (2010). Did you cook your lesson based on right recipe?(Accommodating the Students Preferences in Class). Procedia-Social and Behavioral Sciences, 2(2), 383-387. DOI: 10.1016/j.sbspro.2010.03.030

Nascimento, J. C. H. B., & da Silva Macedo, M. A. (2016). Modelagem de equações estruturais com mínimos quadrados parciais: um exemplo da aplicação do SmartPLS® em pesquisas em contabilidade. Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade, 10(3), 289-313. DOI: 10.17524/repec.v10i3.1376

Navarro, M. M., Iglesias, M. P., & Torres, P. R. (2005). A new management element for universities: satisfaction with the offered courses. International Journal of educational management. International Journal of Educational Management 19(6):505-526. DOI: 10.1108/09513540510617454

Nérici, I. G. (2006). Metodologia do ensino: uma introdução. 2ª ed. – São Paulo: Atlas, 1981. PELEIAS, I. R. (org.). Didática do ensino da contabilidade: aplicável a outros cursos superiores. São Paulo: Saraiva.

Neves Junior, I. J. D., & Rocha, H. M. D. (2010). Metodologias de ensino em Contabilidade: uma análise sob a ótica dos estilos de aprendizagem. Anais Encontro da Associação Nacional de Pós-graduação e Pesquisa em Administração. Rio de Janeiro, RJ, Brasil, 34.

Paswan, A. K., & Young, J. A. (2002). Student evaluation of instructor: A nomological investigation using structural equation modeling. Journal of Marketing Education, 24(3), 193-202. DOI: 10.1177/0273475302238042

Pike, G. R. (1991). The effects of background, coursework, and involvement on students' grades and satisfaction. Research in Higher Education, 32(1), 15-30.

Ramos, A. M., Barlem, J. G. T., Lunardi, V. L., Barlem, E. L. D., da Silveira, R. S., & Bordignon, S. S. (2015). Satisfação com a experiência acadêmica entre estudantes de graduação em enfermagem. Texto & Contexto Enfermagem, 24(1), 187-195. DOI: 10.1590/0104-07072015002870013

Raupp, F. M., Amboni, N., Cunha, D. R., Duarte, J. F., & Agostineto, R. C. (2009). O ensino de Contabilidade Geral e Contabilidade de Custos nos cursos de graduação em Administração do Estado de Santa Catarina. Revista de Negócios, 14(2), 71-88. DOI: 10.7867/1980-4431.2009v14n2p71-88

Santos Neto, A. S., Dantas, M. J. P., & Machado, R. L. (2017). Structural equation modeling applied to assess industrial engineering students’ satisfaction according to ENADE 2011. Production, 27.. http://dx.doi.org/10.1590/0103-6513.219116

Santos, A. A. A. D., Mognon, J. F., Lima, T. H. D., & Cunha, N. B. (2011). A relação entre vida acadêmica e a motivação para aprender em universitários. Psicologia Escolar e Educacional, 15(2), 283-290. DOI: 10.1590/S1413-85572011000200010.

Sockalingam, N. (2012). The Relation between Student Satisfaction and Student Performance in Blended Learning Curricula. International Journal of Learning, 18(12). DOI: 10.18848/1447-9494/CGP/v18i12/47842

Souza, S. A. D., & Reinert, J. N. (2010). Avaliação de um curso de ensino superior através da satisfação/insatisfação discente. Avaliação: Revista da Avaliação da Educação Superior (Campinas), 15(1), 159-176.

Vasconcelos, N. P. (2000). Uma contribuição para a melhoria da qualidade do ensino em Ciências Contábeis – uma abordagem sistêmica. Revista Brasileira de Contabilidade, Brasília, 125, 30-36.

Vieira, K. M., Milach, F. T., & Huppes, D. (2008). Equações estruturais aplicadas à satisfação dos alunos: um estudo no curso de ciências contábeis da Universidade Federal de Santa Maria. Revista Contabilidade & Finanças, 19(48), 65-76. DOI: 10.1590/S1519-70772008000300006

Downloads

Publicado

2020-03-30

Como Citar

CARMO, T. S.; NASCIMENTO, J. C. H. B. do; BARBOSA, F. L. S.; CASTRO, M. M. B. de. ENSINO DA DISCIPLINA DE CONTABILIDADE GERAL EM CURSOS DE GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO: UMA ANÁLISE EMPÍRICA DA RELAÇÃO ENTRE A SATISFAÇÃO E O DESEMPENHO DISCENTE. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 31, n. 1, p. 105-135, 2020. DOI: 10.22561/cvr.v31i1.5187. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/5187. Acesso em: 23 nov. 2020.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)