A Profissão Contábil está em Crise? Uma Opinião sobre os Constantes Questionamentos sobre a Profissão Contábil

Autores

  • José Carlos Marion
  • Fábio da Silva e Almeida
  • Vicente Sebastião Valverde

Palavras-chave:

Auditoria Contábil, Teoria Contábil, Contabilidade.

Resumo

   Nosso propósito aqui é o de discutir as críticas que estão atingindo as informações contábeis e conseqüentemente a profissão. Buscaremos relacionar a teoria contábil e os casos de “fraudes”, procurando separá-los, através do enfoque à Ciência Contábil, à profissão de Contador e a atividade de auditoria.

   Inicialmente, temos que distinguir a falta de independência profissional, das questões ética e moral, para uma ciência que é traduzida por pessoas, nas quais se classificam de boa ou má índole.

   Entendemos que a profissão contábil não está em crise. Assim como o erro de um profissional de outra área qualquer, não determina a crise da sua profissão. O que temos, e isso é verdade, é uma desconfiança com relação à veracidade das informações divulgadas pelas empresas, da atuação da auditoria contábil, e um questionamento chave nos casos Enron, Xerox, Wordcom e outros, da independência profissional. Sem deixar de destacar as atitudes um tanto quanto questionáveis e de interesse pessoais dos executivos destas empresas.

Downloads

Publicado

2009-05-04

Como Citar

MARION, J. C.; ALMEIDA, F. da S. e; VALVERDE, V. S. A Profissão Contábil está em Crise? Uma Opinião sobre os Constantes Questionamentos sobre a Profissão Contábil. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 13, n. 2, p. 85-98, 2009. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/197. Acesso em: 18 out. 2021.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)