Economia Política da redução do tempo de trabalho: dos autores pioneiros ao debate contemporâneo sobre transições para sustentabilidade

Autores

Resumo

Esse artigo-resenha apresenta, inspirado por Polanyi, a redução do tempo de trabalho (RTT) em seu sentido substantivo, o que permite sugerir o encaminhamento de propostas de RTT como vetores de mudança socioeconômica para um sistema mais sustentável, mais justo e com maior potencial emancipatório. Uma primeira seção é dedicada a cotejar os significados da RTT em seus sentidos formal e substantivo. A segunda seção é dedicada às visões precursoras de Keynes, Russell e Lafargue sobre a RTT. Finalmente, a terceira, reúne três importantes autores contemporâneos, Gorz, Jackson e Méda, que, no debate sobre a transição para a sustentabilidade, dão especial destaque às medidas de RTT no rol das transformações necessárias rumo à reorganização do sistema econômico e social compatível com os limites biogeofísicos de nosso planeta.

Downloads

Publicado

2020-10-04

Como Citar

FRACALANZA, P. S.; MARIA, M. R.; CORAZZA, R. I. Economia Política da redução do tempo de trabalho: dos autores pioneiros ao debate contemporâneo sobre transições para sustentabilidade. Nova Economia, [S. l.], v. 30, n. 2, p. 629-654, 2020. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/novaeconomia/article/view/4960. Acesso em: 29 nov. 2020.

Edição

Seção

Números Regulares