Mudanças estruturais recentes na indústria de bens de capital

Autores

  • Marco Flávio Resende
  • Patrícia Anderson

Resumo

A  indústria brasileira de bens de capital foi marcada por profundas transformações nos  anos 90. Estas foram motivadas, principalmente, pelo processo de privatizações, pela estabilização monetária e pela ostensiva  pressão competitiva externa verificada neste período. Essa indústria incorpora uma enorme diversidade e dispersão de condiçóes competitivas inter e intra setoriais, que resultam em efeitos distintos exercidos pelas mudanças que ocorreram na economia brasileira a partir do início da década de 90. Por meio da construção e análise de coeficientes de importação e de exportação para subsetores da indústria de bens de capital, de  indicadores econômico-financeiros desses subsetores e do  perfil de especialização dos mesmos (comércio intra-indústria  vertical ou horizontal), avalia-se neste trabalho as mudanças estruturais ocorridas em segmentos da  indústria de  bens de capital no período 1991-1997.

Downloads

Publicado

2013-10-10

Como Citar

RESENDE, M. F.; ANDERSON, P. Mudanças estruturais recentes na indústria de bens de capital. Nova Economia, [S. l.], v. 9, n. 2, 2013. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/novaeconomia/article/view/2157. Acesso em: 24 nov. 2020.

Edição

Seção

Números Regulares