O Impacto da Internacionalização sobre os Sistemas de Controle Gerencial de Empresas Brasileiras: o Caso da Método Engenharia e da Totvs S/A

Autores

  • Bruna Reis de Arantes UERJ
  • Antonio Mottin UERJ
  • Josir Simeone Gomes UERJ

Palavras-chave:

Empresas Brasileiras, Internacionalização, Método Engenharia, Totvs S/A.

Resumo

O Brasil, que há dez anos se coloca entre os principais países em desenvolvimento absorvedores de investimentos diretos estrangeiros, convive com uma nova realidade na medida em que assume posição de destaque entre os maiores investidores no exterior. Com o propósito de serem capazes de competir internacionalmente, grandes empresas brasileiras têm adotado uma estratégia de expansão e crescimento internacional. A aceleração desse processo de internacionalização de empresas brasileiras que vem ocorrendo nos últimos anos promove importantes impactos nas práticas, processos organizacionais. O presente estudo tem como objetivo principal analisar o processo de internacionalização da empresa Método Engenharia e da Totvs S/A. Na Método Engenharia trata-se de um estudo de caso que busca traçar um panorama do processo de internacionalização de uma média empresa da indústria de construção que busca ser agente de mudança e progresso da Engenharia, da comunidade e de todas as pessoas envolvidas, e de uma economia emergente que conseguiu ingressar no mercado internacional, de grande concorrência e de elevada exigência. Na Totvs estudou-se o processo de internacionalização de uma empresa de software, inovação, relacionamento e suporte à gestão, líder absoluta no Brasil, a maior empresa de softwares aplicativos sediada em países emergentes e a 8ª maior do mundo no setor.

Biografia do Autor

Bruna Reis de Arantes, UERJ

Administradora formada pela UFF.

Downloads

Publicado

2011-01-18

Como Citar

ARANTES, B. R. de; MOTTIN, A.; GOMES, J. S. O Impacto da Internacionalização sobre os Sistemas de Controle Gerencial de Empresas Brasileiras: o Caso da Método Engenharia e da Totvs S/A. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 21, n. 4, p. 63-87, 2011. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/733. Acesso em: 27 nov. 2020.