RACIOCÍNIO CRÍTICO DOS ALUNOS DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS DA FEA-USP: UMA APLICAÇÃO DO MODELO INSTRUCIONAL DE RICHARD PAUL

Autores

  • Ivan Carlin Passos FHO|Uniararas Pós-Doutorando da FEA-USP Bolsista F
  • Edgard Bruno Cornacchione Jr. Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo - FEA - USP
  • Luiz Eduardo Gaio
  • Juliana Sampaio Mori Professora da FHO|Uniararas

Palavras-chave:

Contabilidade – Estudo e ensino, Raciocínio, Métodos de ensino

Resumo

Tendo em vista à demanda do mercado e da nova lei das Sociedades Anônimas que vem exigindo um perfil profissional da área de negócios com maior nível de raciocínio crítico e capacidade de julgamento, o objetivo geral da presente pesquisa foi analisar e avaliar empiricamente a efetividade do modelo de raciocínio crítico de Richard Paul em alunos de graduação em Ciências Contábeis da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo (FEA-USP) no desenvolvimento de habilidades para pensar criticamente sobre contabilidade. Para tanto foi utilizado um quase-experimento na instituição durante o segundo semestre de 2010, tendo uma abordagem geral (quatro intervenções de 30 min) de aplicação do modelo com o monitoramento da classe. Na pesquisa, os participantes preencheram dois instrumentos de avaliação: um deles aplicado no início e no final do semestre que avaliou habilidades (Ennis Weir Critical Thinkings Essay Test – EWCTET) de raciocínio crítico e outro uma pesquisa demográfica (aplicado no final do semestre). Além de análises descritivas das amostras foi aplicada a análise de covariância (ANCOVA) utilizando os pré-testes como covariáveis. Nos resultados não foi constatado efeito significativo do modelo instrucional no desenvolvimento de habilidades de raciocínio crítico, contrariando assim, resultados de estudos anteriores (REED, 1998 e ABRAMI et al., 2008). Para futuras pesquisas, recomenda-se a aplicação do modelo em cursos de graduação ou pós-graduação da área contábil em diferentes abordagens e com maior intensificação das intervenções na turma experimento.

Biografia do Autor

Ivan Carlin Passos, FHO|Uniararas Pós-Doutorando da FEA-USP Bolsista F

Prof. Dr. Ivan Carlin Passos

Coordenador da graduação e pós-graduação em Ciências Contábeis da FHO|Uniararas
Pós-doutorando da FEA-USP - Bolsista FIPECAFI

 

Edgard Bruno Cornacchione Jr., Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo - FEA - USP

Prof. Dr. Edgard Bruno Cornacchione Jr.

Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo - FEA - USP

Luiz Eduardo Gaio

Prof. Dr. Luiz Eduardo Gaio

Coordenador da graduação em Administração da FHO|Uniararas

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2016-01-27

Como Citar

PASSOS, I. C.; CORNACCHIONE JR., E. B.; GAIO, L. E.; MORI, J. S. RACIOCÍNIO CRÍTICO DOS ALUNOS DE GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS CONTÁBEIS DA FEA-USP: UMA APLICAÇÃO DO MODELO INSTRUCIONAL DE RICHARD PAUL. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 26, n. 3, p. 25-48, 2016. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/2874. Acesso em: 3 dez. 2021.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)