Contabilidade Ambiental como Sistema de Informações

Autores

  • Maria Elisabeth Pereira Kraemer

Palavras-chave:

Contabilidade Ambiental, Consciência Ecológica, Auditoria Ambiental.

Resumo

   Até algum tempo atrás, as organizações preocupavam-se apenas com a eficiência dos sistemas produtivos. Em curto espaço de tempo, essa noção revelou-se equivocada, porque ficou evidente que o contexto de atuação das empresas tornava-se a cada dia mais complexo e que o processo decisório sofreria restrições cada vez mais severas. Um dos componentes importantes essa reviravolta nos modos de pensar e agir, foi o crescimento da consciência ecológica, na sociedade, no governo e nas próprias empresas, que passaram a incorporar essa orientação em suas estratégias.

  A Contabilidade, principal sistema de informação de uma empresa, não pode desconhecer essa realidade e ficar à margem dessas preocupações. Assim é, que a Contabilidade deve evidenciar as medidas adotadas e os resultados alcançados no processo de proteção e preservação do meio ambiente, já que a mesma é responsável pela comunicação entre a empresa e a sociedade.

  Partindo dessa premissa, é que este trabalho está enfocando: a empresa e a questão ambiental; o posicionamento da empresa em relação à questão ambiental; como deverá ser a contabilidade ambiental; aplicações e procedimentos contábeis, abordando despesas, ativos e passivos ambientais, notas explicativas, relatório da administração, auditoria ambiental e a contabilidade como sistema de informações quanto à postura ambiental.

 

 

Downloads

Publicado

2009-04-30

Como Citar

KRAEMER, M. E. P. Contabilidade Ambiental como Sistema de Informações. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 12, n. 3, p. 71-92, 2009. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/184. Acesso em: 19 out. 2021.