Inflexão econômica e dinâmica espacial pós-1996 no Estado do Rio de Janeiro

Autores

  • Jorge Natal

Palavras-chave:

desenvolvimento regional, dinâmicas econômicas, royalties do petróleo, Estado do Rio de Janeiro.

Resumo

Este artigo procura sustentar analítica e estatisticamente a ocorrência no Estado do Rio de Janeiro de dada e problemática inflexão econômica positiva a partir dos últimos anos da década de 1990. Ele sublinha, para tal, a centralidade do setor petróleo. Além disso, chama a atenção para a dimensão espacial da dinâmica econômica levada adiante pelo setor petróleo, qual seja, sua estreita associação a determinadas regiões e, dentro delas, de certos e poucosmunicípios. Por fim, o artigo chama a atenção para a importância, não mais da discussão sobre a supramencionada inflexão econômica, mas, sim, sobre as suas possibilidades de vigência em prazo mais largo e sobre a capacidade dos municípios e regiões de empregarem a contento os recursos provenientes dos royalties do petróleo para fins da “construção” de uma dinâmica econômica, que, no médio e longo prazos, possa, no limite, tornar-se independente do referido setor petróleo.

Downloads

Publicado

2009-06-02

Como Citar

NATAL, J. Inflexão econômica e dinâmica espacial pós-1996 no Estado do Rio de Janeiro. Nova Economia, [S. l.], v. 14, n. 3, 2009. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/novaeconomia/article/view/437. Acesso em: 24 nov. 2020.

Edição

Seção

Números Regulares