Rosa e Gabriel entre o litoral e o interior do Brasil na Primeira República

Resumo

A cidade de Uberaba, no Triângulo Mineiro, Minas Gerais, possuiu papel importante na intermediação do comércio que, durante a Primeira República, se realizou entre a economia cafeeira paulista e o interior do Brasil. Essa intermediação tinha como protagonistas uberabenses que de diferentes formas se enquadravam naquele circuito comercial; muitos desses possuíam negócios que se estendiam em direção ao norte e ao sul, indo do interior até o litoral e, em alguns casos, até o continente europeu. Este artigo tem como objetivo acompanhar os desdobramentos de algumas dessas redes comerciais, focando em dois atores importantes: Rosa Maria de Oliveira e Gabriel Orlando Teixeira Junqueira.

Palavras-chave: comércio; urbanização; modernização; Primeira República; interior do Brasil

Biografia do Autor

Paulo Roberto de Oliveira, Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, Minas Gerais, Brasil.

Mestre em História pela UNESP/Franca. Doutor em História Econômica pela USP/São Paulo. Pós - Doutorado pelo Departameno de Economia da USP/São Paulo.

Publicado
2019-10-11
Como Citar
OLIVEIRA, P. R. DE. Rosa e Gabriel entre o litoral e o interior do Brasil na Primeira República. Nova Economia, v. 29, n. 2, p. 651-675, 11 out. 2019.
Seção
Números Regulares