Mais pluralismo

considerações sobre a relevância do movimento por uma economia pós-autista

Autores

Resumo

O objetivo deste trabalho é analisar a proposta do Movimento Por uma Economia Pós-Autista (MPEPA), a partir da situação atual na evolução do pensamento econômico e do debate que tem surgido sobre pluralismo como princípio desejável para a ciência econômica, especialmente no seu ensino. O trabalho discute o caráter científico da economia a partir de questionamentos levantados pelo MPEPA, bem como situa a história do movimento e seus recentes desenvolvimentos, no contexto das diversas críticas enfrentadas pela ciência econômica no período posterior à crise financeira iniciada em 2008. Avaliam-se os possíveis impactos de movimentos como o MPEPA para o ensino de economia, num ambiente que demanda maior pluralismo e liberdade metodológica nas abordagens dessa ciência.

Biografia do Autor

Daniel de Santana Vasconcelos, Universidade Federal de Santa Catarina

Professor Adjunto do Departamento de Economia e Relações Internacionais da UFSC, na área de Macroeconomia e Política Monetária

Maísa Goulart S. Ribeiro, Universidade Federal do ABC

Mestranda do programa de pós-graduação em Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal do ABC.

Ramon García Fernandez, Universidade Federal do ABC

Professor do programa de pós-graduação em Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal do ABC.

Downloads

Publicado

2017-05-02

Como Citar

VASCONCELOS, D. de S.; RIBEIRO, M. G. S.; FERNANDEZ, R. G. Mais pluralismo: considerações sobre a relevância do movimento por uma economia pós-autista. Nova Economia, [S. l.], v. 28, n. 3, 2017. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/novaeconomia/article/view/3589. Acesso em: 23 nov. 2020.

Edição

Seção

Números Regulares