Média móvel e a Curva de Phillips previsões para a taxa de inflação em uma amostra de países desenvolvidos e em desenvolvimento

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Erika Vanessa Alves da Silva
Nathália da Silva Oliveira
Roberto Tatiwa Ferreira
Cristiano da Costa da Silva

Resumo

Este trabalho avalia a eficiência preditiva dos modelos de curva de Phillips com e sem modelagem ARMA dos seus resíduos, considerando uma amostra que contém países desenvolvidos e em desenvolvimento. O objetivo principal deste estudo é fornecer evidências empíricas de que essa simples reformulação da Curva de Phillips pode servir de benchmark para estudos que propõem modelos econométricos ou de séries temporais mais elaborados para prever a taxa de inflação. Os resultados mostram que o uso de componentes ARMA nos resíduos da Curva de Phillips diminuem consideravelmente seus erros quadrados médios de previsão para todos os países da amostra.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
DA SILVA, E. V.; OLIVEIRA, N.; FERREIRA, R.; DA SILVA, C. Média móvel e a Curva de Phillips. Nova Economia, v. 28, n. 2, 25 out. 2016.
Seção
Artigos