Cooperação financeira no Mercosul e o financiamento do investimento

Autores

  • Simone S. de Deos
  • Ana Rosa Ribeiro de Mendonça
  • Rubia C. Wegner

Palavras-chave:

Mercosul, sistemas financeiros, cooperação financeira regional, financiamento do investimento

Resumo

Os esquemas de integração regional construí­dos ao longo da década de  1990, entre os quais o Mercosul, foram implementados em um contexto marcado pelo processo mais amplo de globalização financeira. A conexão dos países periféricos ao circuito da global­ização financeira, contudo, não resolveu os problemas crônicos de falta de recursos para o financiamento de longo prazo. A literatura marcada pela tradição de Keynes aponta que a insuficiência de recursos de longo prazo (funding) para financiar o investimento é um problema crucial. Nesse sentido, o sistema financeiro deve ser capaz de prover recursos, especialmente de longo prazo, para financiar o investimento, minimizando a incerteza e viabilizando a aquisição dos ativos de capital de longo prazo de maturação. Neste artigo, objetiva­-se analisar a importância da coop­eração financeira regional para o fomento de mecanismos de financiamento de longo pra­zo nas economias do Mercosul.

Downloads

Publicado

2013-09-19

Como Citar

DEOS, S. S. de; MENDONÇA, A. R. R. de; WEGNER, R. C. Cooperação financeira no Mercosul e o financiamento do investimento. Nova Economia, [S. l.], v. 23, n. 1, 2013. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/novaeconomia/article/view/2125. Acesso em: 27 nov. 2020.

Edição

Seção

Números Regulares