Uma contribuição ao desenvolvimento da Economia Política Internacional do Brasil

Autores

  • Joaquim Carlos Racy PUC-SP, Universidade Presbiteriana Mackenzie
  • Alvaro Alves de Moura Jr. Universidade Presbiteriana Mackenzie
  • Bruno Falsarella PUC-SP
  • Laura Gonçalves PUC-SP

Palavras-chave:

Economia Política Internacional, relações internacionais, campo de conhecimento, economistas, ideologia, metodologia

Resumo

Este artigo tem por objetivo elencar alguns aspectos críticos da Economia Política Internacional – EPI em sua atual configuração, isto é, enquanto pretenso campo de reflexão e interpretação da realidade econômica e política internacional, bem como destacar brevemente elementos fundamentais do pensamento econômico para a compreensão das relações entre a economia e a política na esfera internacional emanados de autores clássicos. É o caso de Smith, Ricardo, List e Keynes, que tiveram forte envolvimento com questões com tal recorte. Nesse sentido, o trabalho tem caráter eminentemente exploratório e busca somente estimular um debate com o sentido de promover a construção de um marco fundamental para o desenvolvimento dessa área de pensamento e sua aplicabilidade no Brasil, resgatando inclusive seu conteúdo interdisciplinar. Por essa razão, exclui-se do escopo do artigo a análise marxista da realidade internacional que, por razões metodológicas, já se coloca nessa perspectiva.

Downloads

Publicado

2015-08-13

Como Citar

RACY, J. C.; DE MOURA JR., A. A.; FALSARELLA, B.; GONÇALVES, L. Uma contribuição ao desenvolvimento da Economia Política Internacional do Brasil. Nova Economia, [S. l.], v. 25, n. 1, 2015. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/novaeconomia/article/view/1829. Acesso em: 26 nov. 2020.

Edição

Seção

Números Regulares