Políticas comercial e cambial, vulnerabilidade externa e crescimento econômico: a experiência da economia brasileira a partir dos anos 1980

Autores

  • Fernando Ferrari Filho UFRGS
  • Gustavo Teixeira Ferreira da Silva UFRGS e UNESC
  • Samira Schatzmann UFRGS e IPEA

Palavras-chave:

políticas comercial e cambial, vulnerabilidade externa, crescimento econômico

Resumo

Inicialmente, o artigo analisa as estratégias e a performance das políticas comercial e cam-bial da economia brasileira a partir da década de 1980 e, em especial, no período pós-Plano Real. Em segundo lugar, busca relacionar os diferentes graus de vulnerabilidade exter-na do período com o comportamento das taxas de crescimento econômico do Brasil. Por fim, propõe uma agenda alternativa de políticas econômicas para o Brasil que, além de estar alicerçada em políticas monetárias e fiscais contracíclicas, tenha como objetivo a operacionalização de políticas cambial e in-dustrial e de mecanismos de controle de ca-pitais, condições necessárias para equilibrar de forma intertemporal o setor externo e assegurar, assim, bases para uma trajetória de crescimento econômico sustentável.

Downloads

Publicado

2011-07-12

Como Citar

FERRARI FILHO, F.; FERREIRA DA SILVA, G. T.; SCHATZMANN, S. Políticas comercial e cambial, vulnerabilidade externa e crescimento econômico: a experiência da economia brasileira a partir dos anos 1980. Nova Economia, [S. l.], v. 21, n. 1, 2011. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/novaeconomia/article/view/1258. Acesso em: 28 nov. 2020.

Edição

Seção

Números Regulares