Análise de sensibilidade do consumo de gasolina C entre julho de 2001 e dezembro de 2008: Política Tributária Estadual como instrumento de políticas energéticas e ambientais

Autores

  • Thaís Machado de M. Vilela
  • Helder Queiroz Pinto Junior

Palavras-chave:

gasolina C, elasticidade-preço da demanda, ICMS

Resumo

A partir de uma análise descritiva dos dados de consumo de gasolina C por estado é possível notar diferentes comportamentos entre os mesmos. Desta forma, a análise de sensibilidade da demanda por gasolina C a variações no preço no Brasil deve considerar essa multiplicidade de respostas. Através de uma abordagem econométrica tradicional de séries de tempo, procura-se, neste artigo, avaliar as diferentes reações a mudanças no preço, mais especificamente, a mudanças no imposto estadual ICMS sobre a gasolina C. O cálculo da elasticidade-imposto permite verificar os efeitos da adoção de políticas públicas estaduais nos planos ambiental e energético.

Downloads

Publicado

2010-12-01

Como Citar

VILELA, T. M. de M.; JUNIOR, H. Q. P. Análise de sensibilidade do consumo de gasolina C entre julho de 2001 e dezembro de 2008: Política Tributária Estadual como instrumento de políticas energéticas e ambientais. Nova Economia, [S. l.], v. 20, n. 3, 2010. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/novaeconomia/article/view/1208. Acesso em: 29 nov. 2020.

Edição

Seção

Números Regulares