Mensuração do Retorno Social de Organizações sem Fins Lucrativos por meio do SROI – Social Return On Investiment

Autores

  • Cleberson Luiz Santos de Paula
  • Haroldo Guimarães Brasil
  • Poueri do Carmo Mário

Palavras-chave:

Terceiro Setor, Resultado Social, SROI

Resumo

Este estudo avaliou a capacidade de mensuração do resultado social com base em demonstrações financeiras de organizações sem fins lucrativos, considerando a importância de mensurar e evidenciar esse resultado, sob vários aspectos, especialmente em relação à captação de recursos. Devido à falta de indicadores que possibilitem a mensuração do retorno social para cada recurso arrecadado e gerido pelas organizações sem fins lucrativos, utilizou-se a metodologia SROI como instrumento de avaliação e mensuração do desempenho da gestão dessas organizações. Foram analisadas as Demonstrações Financeiras de duas organizações sem fins lucrativos, atuantes na área hospitalar. Após a pesquisa, foi possível identificar vantagens e limitações dessa metodologia (SROI). Entre as vantagens, destaca-se a identificação do valor da causa social, ou, o valor do benefício gerado à sociedade por meio da prestação de serviços gratuitos, e a separação entre valor econômico e valor social. Dentre as limitações, destaca-se a não consideração pela metodologia dos recursos arrecadados de doações e a não utilização do valor da imunidade tributária em comparação aos benefícios gerados à sociedade.

Downloads

Publicado

2009-10-07

Como Citar

DE PAULA, C. L. S.; BRASIL, H. G.; MÁRIO, P. do C. Mensuração do Retorno Social de Organizações sem Fins Lucrativos por meio do SROI – Social Return On Investiment. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 20, n. 3, p. 127-155, 2009. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/654. Acesso em: 10 maio. 2021.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)