O Endividamento dos Estados Brasileiros: Verificação da Situação Utilizando a Análise Multivariada de Dados

Autores

  • Gilmar Ribeiro de Mello
  • Valmor Slomski

Palavras-chave:

Endividamento, Estados Brasileiros, Análise Multivariada de Dados

Resumo

   A dívida dos Estados Brasileiros, oriundo da crise externa do início dos anos 80 e até hoje sem uma solução satisfatória, é uma questão central do processo de ajuste do setor público. Quando se estuda o endividamento é possível encontrar inúmeros indicadores, com várias formas de calculá-los, onde cada autor procura demonstrar o endividamento de uma forma própria, de uma maneira que segundo sua justificativa melhor o representa. Neste contexto, o objetivo deste artigo é propor uma função logística que melhor represente a situação do endividamento dos Estados Brasileiros, considerando um grupo de indicadores encontrados utilizando análise fatorial. Para cumprir o objetivo foram selecionados 41 indicadores relacionados à parte financeira, calculados para o período de 2000 a 2003, para todos os Estados. Em seguida, aplicou-se a técnica estatística Análise Fatorial, que separou os indicadores em 7 fatores, dos quais, dois (ligados ao endividamento) foram usados na Regressão Logística. Considerando os resultados, concluiu-se que as variáveis que melhor representam a situação de endividamento dos Estados Brasileiros são a que fornece a participação da dívida líquida no PIB (VAR 01) e a utilização nominal das receitas correntes (VAR 26). Assim, demonstra-se que o endividamento não se explica por um único indicador, é necessário um conjunto deles reunidos estatisticamente.

Downloads

Publicado

2009-05-13

Como Citar

DE MELLO, G. R.; SLOMSKI, V. O Endividamento dos Estados Brasileiros: Verificação da Situação Utilizando a Análise Multivariada de Dados. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 19, n. 1, p. 11-35, 2009. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/345. Acesso em: 24 nov. 2020.