Transferência de Recursos ao Exterior

Autores

  • Antônio Vieira Resende

Palavras-chave:

Brasil- Política Econômica. Balanço de Pagamentos. Fluxo de Capitais

Resumo

   O Plano Real tinha como pilares básicos a sobrevalorização cambial, a redução tarifária e taxa de juros elevada. Isso, como era de se esperar, provocou elevados déficits nas relações comerciais do Brasil com o exterior. O financiamento desses déficits só foi possível com a entrada líquida de capitais externos. Essa estratégia de combate à inflação provocou uma forte expansão do passivo externo, colocando o país, a partir de 2002, comprometido com a remessa de recursos ao exterior, passando a ser mais um elemento estrutural a impedir a adoção de estratégias de desenvolvimento de longo prazo. O objetivo deste texto é analisar essa transferência de recursos no período recente.

Downloads

Publicado

2009-05-07

Como Citar

RESENDE, A. V. Transferência de Recursos ao Exterior. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 16, n. 1, p. 89-98, 2009. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/272. Acesso em: 27 out. 2021.