Uma Aplicação do Time-Driven ABC Model no Setor de Serviço Hospitalar: a Nova Abordagem do ABC Proposta por Kaplan e Anderson

Autores

  • Flávia Záboli Dalmácio
  • Amaury José Rezende
  • Andson Braga de Aguiar

Palavras-chave:

ABC - Custeio por Atividades, Time-Driven ABC Model, Tempo

Resumo

   

O custeio por atividades (ABC) surgiu com o objetivo de suprir as limitações dos métodos de custeio tradicionais, tendo por principal vantagem a apuração de custos por atividades para então apurar os custos dos produtos, utilizando-se, para tanto, de direcionadores de custos. Tal procedimento é defendido como útil por permitir a identificação do resultado apurado nos diferentes elos da cadeia de valor de uma empresa, em contraposição à visão tradicional que analisa apenas o processo de produção. Mesmo diante dessa vantagem, pesquisas no ambiente organizacional brasileiro têm demonstrado que apenas 15% das empresas apuram custos utilizando o ABC (Frezatti, 2005). Kaplan e Anderson (2004) defendem que o baixo índice de implementação e utilização do ABC pelas empresas pode ser conseqüência da dificuldade que os gestores encontram na determinação dos direcionadores de custos, e sugerem o tempo como o único direcionador de custos. Este estudo tem por objetivo aplicar e analisar a nova proposição do ABC – Time-Driven ABC Model (Kaplan e Anderson, 2004) – a partir de um estudo de caso realizado em um hospital. Conclui-se que, embora esse modelo traga simplificações ao processo de apuração de custos, sua prática não pode ser generalizada, podendo ser útil, principalmente, em organizações que atuam na área de serviços.

Downloads

Publicado

2009-05-12

Como Citar

DALMÁCIO, F. Z.; REZENDE, A. J.; DE AGUIAR, A. B. Uma Aplicação do Time-Driven ABC Model no Setor de Serviço Hospitalar: a Nova Abordagem do ABC Proposta por Kaplan e Anderson. Contabilidade Vista & Revista, [S. l.], v. 18, n. 2, p. 11-34, 2009. Disponível em: https://revistas.face.ufmg.br/index.php/contabilidadevistaerevista/article/view/324. Acesso em: 27 out. 2021.