Marketing & Tourism Review https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr Periódico Eletrônico de Marketing e Turismo Federal University of Minas Gerais pt-BR Marketing & Tourism Review 2525-8176 <p><span><span>Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:</span><br /><br /></span></p><ol type="a"><ol type="a"><li>Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista, sem ônus para a mesma,  o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a <a href="http://creativecommons.org/licenses/by/3.0/" target="_new">Licença Creative Commons Attribution</a> que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista</li><li>Autores têm autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não-exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista (ex.: publicar em repositório institucional ou como capítulo de livro), com reconhecimento de autoria e publicação inicial nesta revista.</li><li>Autores assumem exclusiva responsabilidade pelas suas opiniões emitidas nos trabalhos publicados nesta revista</li></ol></ol> Editorial v. 3 n. 2 https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/5004 <p>Editorial</p> Editora- Chefe ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.5004 Marketing on the Exchange of Language Courses: A study on the Dimensions of the Image https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4777 <p>The present study sought to describe the image that potential customers, current customers and former customers have regarding  the exchange of language courses, based on three (cognitive, symbolic and emotional) of the four dimensions of the classification proposed by De Toni, Milan and Schuler (2004, 2005). To do so, it was opted for using the qualitative method, by means of 45 in-depth interviews with such groups of customers. During the interviews, the technique of drawings construction was used, which had the purpose to illustrate the content of the interviews. Furthermore, the information obtained was analyzed through the technique of content analysis for thematic units. The results show that the cognitive dimension can be classified into three broad categories: (a) the reasons that lead people to make language courses exchanges; (b) Sources of information and groups of influence on the decision for language courses exchange; and (c) the criteria used for the choice of countries of destination for language courses exchange. Whereas in the symbolic dimension, the following categories were obtained: a) Growth and personal maturity; (b) social status; c) Adventure, fun and challenge; d) identity, freedom and independence; (e) new and different experiences. Finally, the emotional dimension can be divided into the following categories: a) Emotions and positive expectations; (b) negative emotions and frustration of expectations; (c) Resources for the management of emotions; d) emotions related to the mechanism of sacrifice-reward.</p> Pedro Paulo Victer Gustavo Quiroga Souki Rejane Santana da Silva Viviane Costa Reis ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4777 Marketing Digital: Estratégias de Blogueiras de Moda https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4140 <p>Apresenta-se nesta pesquisa um estudo qualitativo e exploratório para avaliar as estratégias de marketing digital usadas por blogueiras de moda brasileiras, tendo como objetivo identificar as estratégias de marketing das mesmas para o sucesso de seus respectivos blogues. Realizaram-se entrevistas semiestruturadas com três blogueiras de moda, escolhidas por se tratarem de referência do meio em que atuam. Para a análise dos dados utilizou-se a teoria dos 8 Ps do marketing digital, que determina 8 passos para a criação e manutenção de uma marca ou empresa nos meios digitais. Por meio de uma análise de conteúdo, as respostas das blogueiras são avaliadas comparativamente e demonstraram que as blogueiras tomam muitas decisões de maneira intituiva e pouco planejada. Ainda, as mesmas priorizam as etapas de Produção, Publicação Promoção, Propagação e Personalização. </p> Gabriela Celeste Braga Mariana de Freitas Coelho ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4140 Aplicação do Método AHP à Tomada de Decisão Gerencial: um estudo de caso em serviço de hotelaria offshore https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4334 O segmento de óleo e gás executa suas etapas através de unidades marítimas de exploração, produção, armazenamento e suporte. Para que este processo ocorra, é imprescindível a presença, a bordo, do serviço de Hotelaria Marítima. Este serviço é prestado em plataformas ou navios e provê aos tripulantes das embarcações alimentação, higiene e conforto adequados à permanência desses a bordo por longos períodos de tempo. Devido ao rápido crescimento, a empresa objeto deste estudo tem declinado em algumas propostas de possíveis clientes por entender que está em fase de estruturação, tendo atingido o número máximo de contratos. Entretanto, notou-se que algumas propostas recebidas ofereceriam melhores resultados que alguns contratos já existentes, tendo em vista variáveis operacionais e de custo em etapas similares da operação entre cada cliente. O objetivo deste trabalho é apoiar a tomada de decisão gerencial e determinar, através do Método AHP, qual dos cinco contratos com resultados similares, porém com a menor margem de contribuição para a empresa, seria passível de substituição, levando-se em consideração critérios operacionais que impactam no resultado destes contratos. A validação dos dados se deu através da ferramenta Expert Choice®. O método AHP mostrou-se eficaz para auxiliar à tomada de decisão gerencial, trazendo agilidade e melhor embasamento para a decisão, através de análise em equipe, holística e inovadora para a estruturação hierárquica do problema estudado. Fernanda Silveira dos Anjos Bainha Dalessandro Soares Vianna Edwin Benito Mitacc Meza ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4334 Percepção dos Gestores de Meios de Hospedagem sobre Sistema de Gestão Ambiental e sua Aplicabilidade https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4347 <p>Este estudo tem por objetivo verificar a percepção sobre sistema de gestão ambiental dos gestores de meios de hospedagem no município do Rio de Janeiro. O objetivo geral deste trabalho é identificar como a gestão ambiental está sendo percebida por estes sujeitos de pesquisa. Após a fundamentação teórica, a técnica empregada para a coleta de dados foi à entrevista longa, embasada num roteiro de 30 tópicos onde foram feitas entrevistas com 13 sujeitos (gestores de meios de hospedagem de grande porte, gerentes-proprietário de hostels e professores de turismo e hotelaria). O critério adotado para a escolha dos sujeitos foi: a) meios de hospedagem de médio e grande porte – 4 gestores; b) hostels que participam de um projeto de turismo sustentável – 4 proprietários; c) academia – 3 professores de turismo e hotelaria. Inicialmente, elaborou-se o roteiro de entrevista que foi constituído a partir de perguntas iniciais e blocos de temas diretamente relacionados aos objetivos centrais da pesquisa e que foi submetido a três pré-testes, após este período, o roteiro foi definido e aplicado nesta pesquisa. A metodologia aplicada no estudo é classificada como exploratória e qualitativa utilizando como instrumento de análise o software Atlas Ti. A análise do resultado das entrevistas realizadas foi observado à luz da análise de conteúdo e demonstra que os sujeitos revelam estar desinformados sobre o gerenciamento de um sistema de gestão ambiental em meios de hospedagem e assuntos específicos relacionados às questões ambientais, além de outras constatações. Em síntese, para que a percepção ambiental desses gestores seja efetiva, propõe-se a relação de redução de custo gerada pela gestão eco eficiente dos meios de hospedagem, sensibilização para funcionários e hóspedes através da educação ambiental.</p> Fabio Vinicius de Araujo Passos Russencleyton Barros Costa ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4347 Rede Social no Turismo do Pantanal Mato-Grossense: Comandantes de Barcos-Hotéis https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4346 <p>O turismo no Pantanal Mato-Grossense não está delineado por políticas públicas de incentivo, o que ocasiona um ordenamento e monitoramento nesse território por grupos de atores sociais que detêm conhecimentos sobre a forma de funcionamento do ecossistema e da atividade turística: é o caso dos comandantes de barcos-hotéis. Neste sentido, essa pesquisa tem o propósito principal de identificar a formação da rede social de comandantes de barcos-hotéis oriundos do município de Cáceres, localizado no Pantanal Mato-Grossense. Apresenta como questão de pesquisa norteadora a seguinte indagação: como ocorre a formação e a estruturação da rede social de turismo formada por comandantes de barcos-hotéis no Pantanal Mato-Grossense? A pesquisa utiliza-se do método qualitativo, caracterizado por uma pesquisa exploratória, com o uso da ferramenta de Análise de Rede Social por meio de <em>software. </em>Como principais resultados, evidencia-se a formação e a estruturação de uma rede social de comandantes, que possui liderança instituída de forma informal, em razão da existência de atores sociais centrais e de troca de informações entre eles. </p> Stephanni Gabriella Silva Sudré Ivor Prolo Carolina Joana da Silva ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4346 Estratégias de Internacionalização, Marketing Internacional e Desempenho Exportador: Um Panorama das Vinícolas Pertencentes ao Projeto Wines of Brasil https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4349 <p class="Default">Em uma era de constantes competições, as empresas precisam conquistar novos mercados a fim de diversificar os seus clientes, ampliar seu conhecimento, acessar novas tecnologias, e expandir a sua escala de produção. A entrada no mercado externo é uma forma pela qual as empresas brasileiras estão buscando hoje atingir estes objetivos. Sendo assim, o presente trabalho teve como foco central identificar as estratégias de internacionalização, as ações de marketing internacional e o desempenho exportador de vinícolas brasileiras pertencentes ao projeto Wines of Brasil. O procedimento metodológico utilizado para esta pesquisa seguiu as etapas do método quantitativo e descritivo, sendo operacionalizado por meio de uma <em>survey</em>. O universo de estudo foi composto por 35 empresas participantes do projeto, sendo a amostra final composta por 4 questionários válidos. Esta pesquisa é de natureza descritiva, e foi analisada por meio de técnicas estatísticas univariadas. Conclui-se que as principais estratégias de internacionalização utilizadas pelas empresas são relacionadas com a busca pela satisfação dos consumidores. As ações de marketing internacional desenvolvidas pelas empresas concentram-se principalmente na adequação das embalagens dos produtos para os clientes; e em relação ao desempenho exportador as empresas obtiveram resultados positivos nos últimos em função do seu reconhecimento no mercado externo.  Destarte, os resultados demonstraram que empresas nacionais tendem a inovar, difundir a sua marca e inserir-se no mercado internacional por meio de parcerias, como é caso do próprio projeto Wines of Brasil, que facilita e fortalece este processo de entrada no mercado externo.</p> Nathalia Berger Werlang Vivian Arones Fabiane Favretto Rosiane Oswald Flach ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4349 Comportamento dos Consumidores de Produtos Falsificados: Por Que Compram Esse Tipo de Produto? https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4370 <p>O presente estudo teve como objetivo investigar os principais fatores que motivam os consumidores a comprar produtos falsificados. Os dados do estudo foram obtidos por meio de entrevistas em profundidade com 15 consumidores de produtos falsificados moradores dos estados do Rio de Janeiro e de São Paulo. As entrevistas foram guiadas por um roteiro semiestruturado de perguntas. Os resultados mostraram que os principais bens falsificados consumidos pelos entrevistados são acessórios (óculos, relógios, bolsas), roupas e calçados. Os resultados apontaram que a principal motivação para a compra desses itens é o preço mais baixo. Porém, é possível perceber também uma valorização da marca, pois eles compram produtos falsificados de marcas específicas e não produtos genéricos. Eles veem como uma vantagem comprar um produto falsificado de determinada marca por um preço mais baixo, já que pode produzir um efeito semelhante ao produto original. O local em que compram esses produtos varia desde sites até comércio de rua ou diretamente com vendedores. Apesar de relatarem que assumem sem problema que utilizam produtos falsificados, eles demonstraram que só o fazem quando alguém pergunta ou a ocasião permite um comentário desse tipo. Caso contrário, ficam quietos e deixam passar despercebido.</p> Vinicius Duarte Gonçalves Renata Céli Moreira da Silva Paula ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4370 Estudo da acessibilidade no Museu da Língua Portuguesa https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4404 <p>Museus e turismo estão em universos distintos de conhecimentos e práticas, mas podem se encontrar e dialogar para o desenvolvimento mútuo na preservação da cultura e da memória da sociedade Com o fortalecimento das políticas públicas para a área, os museus brasileiros têm se qualificado tanto tecnicamente como em infraestrutura, se tornando cada vez mais um atrativo presente nos roteiros turísticos O objetivo deste artigo é estudar a acessibilidade para o turismo no Museu da Língua Portuguesa situado em São Paulo A metodologia da pesquisa considera o método dedutivo, com pesquisa bibliográfica e documental sobre mobilidade urbana, acessibilidade e turismo em museus, e pesquisa de campo no Museu da Língua Portuguesa O Museu da Língua Portuguesa atende à maioria dos itens previstos nas normas técnicas vigentes consideradas neste estudo sobre acessibilidade Da ampla lista de itens, apenas alguns itens não foram atendidos: a sinalização e informação e a falta de investimento em recursos para deficientes auditivos e com visão reduzida Mas fica claro o amplo investimento em acessibilidade em relação aos banheiros, bebedouros, circulação nos ambientes internos e nas áreas ao redor do prédio, balcão de informação e prevenção à incêndio.</p> Eliacy Cavalcanti Lélis IZADORA TELLES BARROS RAÚLA YASMIN ALVES DA COSTA ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4404 Consumo colaborativo como alternativa: percepção dos anfitriões da plataforma Airbnb na região metropolitana do Cariri cearense https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4454 <p>O presente artigo busca-se entender como o consumo colaborativo é percebido por anfitriões da plataforma Airbnb na região, identificando suas motivações e verificando se os princípios do consumo colaborativo estão presentes nesses anfitriões. O método de pesquisa utilizado no trabalho foi exploratório, descritivo e de abordagem qualitativa por meio de entrevista semiestruturada, aplicada aos quatro anfitriões existentes na região. Os dados foram analisados sob a perspectiva do estilo de vida colaborativo e dos quatro princípios do consumo colaborativo, além de descrever as motivações e o entendimento destes sobre o tema e sobre este enquanto alternativa de consumo, utilizando-se da análise de discurso. Os resultados mostraram que os quatro princípios são contemplados nesses anfitriões. As motivações envolveram redução de custos, renda extra, conhecer pessoas, novas amizades, curiosidade e possibilidade de ajudar. A percepção como alternativa de consumo foi que este difere do consumo tradicional por não visar apenas o lucro, mas também a criação de uma rede de valor. Os resultados deste estudo verificaram que os quatro princípios do consumo colaborativo estão presentes nos relatos dos anfitriões. Assim sendo, conclui-se que o cenário é favorável ao desenvolvimento de práticas de consumo colaborativo, uma vez que os anfitriões entrevistados estão alinhados aos seus princípios e com motivações que demonstram interesse em participar não apenas por questões financeiras, mas também por benefícios sociais.</p> Diorgenes Ferreira Alves Halana Adelino Brandão Antonio Messias Valdevino ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4454 Avaliação das dimensões da qualidade percebida dos serviços logísticos de distribuição de medicamentos antirretrovirais do programa HIV/AIDS https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4496 <p>O objetivo deste artigo é avaliar a percepção da qualidade em relação às dimensões: confiabilidade no prazo de entrega; agilidade na entrega; confiabilidade do produto correto; flexibilidade no serviço prestado; recuperação de falhas; rastreabilidade; comunicação; confiança e conhecimento da equipe; disponibilidade dos produtos; apoio pós-entrega; armazenamento; e satisfação como resultado esperado na<strong> </strong>prestação de serviços logísticos no atendimento às necessidades dos profissionais e usuários/clientes do programa HIV/AIDS. Trata-se de um estudo exploratório descritivo de natureza qualitativa, junto aos profissionais farmacêuticos, técnicos em farmácia, e coordenadores do programa HIV/AIDS. Os resultados possibilitaram uma avaliação detalhada do funcionamento da cadeia logística em estudo, a importância de uma gestão eficiente do estoque e do planejamento real da demanda. O estudo mostra que algumas dimensões avaliadas demandam mudanças operacionais na gestão de contratos, tendo em vista o alto valor monetário agregado, a satisfação dos profissionais, e, principalmente, o aumento da sobrevida dos usuários que convivem com a doença.</p> José Orlando Sousa da Silva Taciana de Barros Jerônimo Joás Tomaz de Aquino ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4496 Gestão da qualidade em food service: criação de Procedimentos Operacionais Padronizados (POP) para um restaurante hoteleiro https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4499 <p>O presente estudo buscou verificar as operações referentes ao serviço de um restaurante hoteleiro situado na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro, através de um estudo observacional. Dentro desse contexto foram criados três Procedimentos Operacionais Padronizados (POP) a partir das visitas realizadas nos dias de pesquisa. Os POP elaborados foram relacionados às seguintes ações: 1) <em>Mise en place</em> do restaurante, 2) Atendimento ao cliente, 3) Serviço de bebidas. A criação desses procedimentos teve como objetivo a otimização dos serviços prestados no meio de hospedagem estudado, visando o encantamento do cliente.</p> Leonardo César da Silva Ferreira Elga Batista Silva ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4499 Mudança no comportamento de compras no varejo de vestuário e acessórios: um survey com estudantes universitários https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4515 <p>Resumo:</p><p>De acordo com a geração se observa um padrão de compras, que pode ser influenciado por aspectos sociológicos, psicológicos e de marketing. O objetivo do artigo é analisar as características do comportamento de compra de estudantes universitários no varejo de vestuário e acessórios quanto à mudança de compra, das lojas físicas para as lojas virtuais, por meio de aspectos sociológicos, psicológicos e de marketing. A análise terá como bases de estudo os comportamentos de compras desses estudantes, pertencentes a duas gerações diferentes, a X e a Y. O método de pesquisa adotado foi o survey, uma abordagem quantitativa e a pesquisa bibliográfica. O questionário foi aplicado em alunos de uma universidade privada de Niterói e que apresenta grupos de pessoas de duas gerações diferentes. Para obter conclusões acerca dos dados coletados, foi adotada a análise quantitativa, por meio de técnicas estatísticas como moda, média e mediana. Com as respostas registradas observou-se que dentre os aspectos, facilidades criadas pela era digital e da informação se destacou no grupo dos aspectos sociológicos, a praticidade de comprar pela Internet foi a mais pontuada dentre os aspectos psicológicos e, por fim, comentários sobre os produtos feitos por aqueles que compram pela Internet e a percepção que o marketing virtual cria uma ligação emocional dos consumidores com a navegação na Internet são os aspectos de marketing mais relevantes a influenciar no processo decisório daqueles que consomem via loja virtual.</p> PAULO CESAR RIBEIRO GASTIN Priscilla Cristina Cabral Ribeiro ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4515 Estudo de caso: O comportamento do cidadao-usuário do IFRN CNAT https://revistas.face.ufmg.br/index.php/mtr/article/view/4543 <p><span>O objetivo dessa pesquisa foi analisar os fatores sociais, pessoais e psicológicos que influenciam na escolha do cidadão-usuário dos serviços do IFRN <em>Campus </em>Natal Central – CNAT. A população-alvo foi formada pelos alunos dos cursos técnicos de nível médio, na modalidade integrada, ingressantes do ano de 2014. Esta pesquisa possui uma abordagem quantitativa, utilizando-se a técnica estatística da Análise Fatorial Exploratória, com a participação de 214 respondentes. Nos resultados foram identificados oito fatores: Instituição com marca reconhecida, Estilo aventureiro, Vida social ativa, Longe do agito para repor as energias, Influência social, Auto percepção, Percepção de futuro, Relação social. Diante da análise conclui-se que os fatores psicológicos são os mais significativos na escolha dos serviços educacionais do IFRN <em>Campus</em> Natal Central. </span></p> Elilde Varela do Nascimento Marli de Fátima Ferraz da Silva Tacconi Ernesto Alexandre Tacconi Neto ##submission.copyrightStatement## 2018-09-14 2018-09-14 3 2 10.29149/mtr.v3i2.4543