[1]
M. G. Avila e M. Cohen, “O EXCESSO DE CORRESPONDÊNCIA: UM EXPERIMENTO COM AUDITORES NO CONTEXTO BRASILEIRO”, Contab. Vista & Rev., vol. 29, nº 2, p. 01-17, set. 2018.